Biodigestão wet para resíduos líquidos

BIOGÁS
                 Biodigestão dry para resíduos sólidos








RESÍDUOS ORGÂNICOS LÍQUIDOS  (tecnologia italiana)     
Quando a biomassa residual não é  fibrosa como os restos de madeira, mais sim facilmente putrescível como restos de comida, dejetos animais, grama verde, restos de mercados e indústria de alimentos, a biodigestão anaeróbia é mais indicada para compostar o resíduo de forma eficiente, extraindo dele a energia contida.Tecnologia italiana.


RESÍDUOS ORGÂNICOS SÓLIDOS (tecnologia austríaca e alemã)
No caso de resíduos orgânicos com conteúdo de água abaixo de 70%, como o lixo urbano, restos vegetais, da indústria de alimentos e outros, adotamos a tecnologia europeia das garagens  A tecnologia austríaca que  utilizamos, 3A Biogas, permite, na sinergia de duas fases aeróbicas e uma anaeróbica, o melhor aproveitamento do conteúdo energético e e fertilizante dos resíduos.