Protótipo Unidade Móvel de Biodigestão Anaeróbia
Em 2012 uma patente tem sido desenvolvida e depositada pela OWG relativa à uma miniusina transportável de biodigestão anaeróbia com produção incrementado através da gestão de bioprocesso (INPI BR 10 2012 004 750 0). Uma patente brasileira e internacional cujo protótipo tem sido construído em 2013 na Itália.




Piloto de Biodigestão Anaeróbia no Campus UFRJ
Um projeto de unidade piloto de biodigestão anaeróbia tem sido submetido a edital Eureka Globalstars e FINEP em 2018 pela parceria entre a OWG, a Müller Gmbh (Áustria), a empresa PAM Membranas e o Laboratório de Membranas da UFRJ/COPPE/PEQ. A previisão é que trate todo resíduo orgânico gerado no Campus da Ilha do Fundão, produzindo um composto orgânico fertilizante natural e energia elétrica. O projeto tem superado a primeira fase de seleção e aguarda decisaão final dos órgãos europeus e brasileiros envolvido para liberação dos recursos.

UnidadeMóvel de Biodigestão Anaeróbia fase seca e semidry
Uma Unidade móvel de biodigestão anaeróbia, com escopos demonstrativos e para teste de potencial de produção de biogás junto aos clientes tem sido submetida a edital FINEP Start up. Trata-se de unidade comcapacidade para tratar resíduos secos e semi-secos.O projeto já é ganhador de edital Vale/Fapes/Faperj 2015 pela UFRJ/COPPE/PEP.

Colaboração Enron Research - Itália
Viabilidade de usina industrial 3ABiogas

Um Estudo de Viabilidade, co-financiado por órgão da União Europeia (LCBAB - Low Carbon Business Action Brazil) tem sido realizado verificando a factibilidade da conversão de atual sítio de compostagem aeróbia em usina de biogás com produção de energia elétrica.

Vide Verde Compostagem